Família

02/07/2020 11h45

Vai passear com o seu pet?

Veja essas importantes medidas de higiene, fundamentais em tempos de pandemia

Por Nosso Bem Estar

Pixabay
Design sem nome(1)

Vai passear com o seu pet?

Em época de pandemia do novo coronavírus, os cuidados com a higiene devem ser redobrados, mas você já parou para pensar sobre a importância da higiene do seu pet? Especialmente ao sair de casa com ele?

A OMS (Organização Mundial da Saúde) esclarece que não há evidências cientificas de que animais de estimação possam ter sintomas de Covid-19 ou mesmo transmiti-la para humanos. Entretanto, eles podem carregar o vírus para dentro da casa e aumentar o risco de contaminação para os moradores. Por isso, é fundamental reforçar os hábitos de limpeza dos pets.

No artigo a seguir, separamos algumas dicas sobre o assunto. Saiba mais! 

Covid-19 e os pets

Os animais de estimação são ótimas companhias para os humanos e agregam ainda mais alegria para a casa. Contudo, devido ao avanço da Covid-19 quem tem um pet pode ficar receoso quanto ao risco dele se contaminar ou transmitir a doença.

O coronavírus faz parte de uma família de vírus que apresenta diferentes variações. Alguns desse vírus podem atingir cães e gatos, ocasionando principalmente problemas gastrointestinais, porém não há confirmações de que o novo coronavírus cause efeitos em pets.

Poucos cães e gatos tiveram resultados positivos para Sars-CoV-2, o vírus que causa a Covid-19. Os órgãos de saúde acreditam que a situação ocorreu porque os pets pertenciam a pessoas que estavam com doença.

Por se tratar de uma situação nova, não há muitas informações sobre o assunto, mas um estudo feito pela Universidade Federal de São Paulo, divulgado em maio na plataforma Research Gate, afirma que não há indícios de que animais de estimação desenvolvam a doença ou que representem riscos de transmissão para as pessoas.

Contudo, se algum morador da casa estiver infectado com o vírus, é recomendado que ele fique afastado do animal durante esse período. Embora o pet não desenvolva a Covid-19, ele pode transportar o vírus pela saliva, patas e pelos — como o Sars-CoV-2 se mantém ativo nas superfícies, isso pode contribuir para a contaminação de outras pessoas. Mas ao seguir medidas de distanciamento e higiene os riscos são reduzidos. 

Medidas de higiene para adotar ao sair com o seu pet

Assim como os seres humanos, os animais de estimação precisam de atenção e cuidados com a saúde e a higiene, e essas atitudes devem ser reforçadas atualmente.

Até o surgimento de uma vacina e o controle da Covid-19 toda a população deve adotar medidas para evitar a disseminação do vírus e isso também influencia na vida dos pets. Uma das principais recomendações para conter o avanço da doença é o distanciamento social, ou seja, é necessário ficar em casa. Entretanto, isso pode não ser tão simples quando se tem um cachorro, não é mesmo?

Em alguns casos, investir em brincadeiras com o pet dentro de casa pode ajudar a gastar a energia dele e distraí-lo. Se for essencial passear com o animal, a recomendação é que as saídas sejam rápidas, com foco em atender as necessidades fisiológicas dele, e que seja feito apenas por uma pessoas da família.

Entre os cuidados básicos para o passeio estão:

·       procure locais menos movimentados para passear com o bichinho;

·       evite contato com outras pessoas e animais, pois os pelos podem armazenar o vírus;

·       lave as patas do pet com água e shampoo ao retornar da rua;

·       higienize itens e acessórios utilizados no passeio, como coleira e guia.

Ao entrar em casa o tutor também precisa seguir alguns hábitos de higiene, como limpar os sapatos e lavar bem as mãos com água e sabão.

Além dessas medidas, dê atenção a vacinação, alimentação e outros cuidados de saúde e higiene. A limpeza do animal e do ambiente deve ser regular, sendo assim, dê banho e higienize brinquedos e recipientes de água e comida. Essas atitudes contribuem para que o seu pet permaneça saudável e pode evitar idas desnecessárias ao veterinário — caso a consulta seja indicada, opte por horários mais vazios e mantenha a distância de outras pessoas e animais.

Essas são as principais dicas para passear com o seu pet de maneira segura. Como vimos, com algumas atitudes simples de higiene e distanciamento social é possível garantir o bem-estar de seu amigo de quatro patas e a proteção de toda a família.






 

X